Netflix ganha 7 milhões de assinantes e chega a 137 milhões de usuários

A Netflix continua sendo uma máquina de fazer dinheiro. A empresa anunciou nesta terça-feira, 16, seus resultados trimestrais e as notícias não poderiam ser mais positivas, com sua base de usuários que não para de aumentar, o que se reflete também em bons números financeiros.

No terceiro trimestre de 2018, a empresa reportou um aumento de 6,96 milhões em sua base de assinantes, superando com folga as estimativas de 5,07 milhões que era a aposta dos analistas de mercado. Com o ganho, a empresa já chega a 137 milhões de membros.

Os números mostram que cada vez mais a Netflix é uma empresa internacional. Se em seus primeiros anos a empresa apostava demais nos EUA, hoje é o resto do mundo que sustenta o crescimento da companhia, visto que o mercado americano já está praticamente saturado. Em seu país de origem, a Netflix ganhou apenas 1,09 milhão de novos assinantes (crescimento de menos de 2% com o trimestre anterior), enquanto no resto do planeta, o salto foi consideravelmente maior: 5,87 milhões de usuários (salto de 8%).

O aumento na base de assinantes, como não poderia ser diferente, também se reflete no resultado financeiro da companhia. As receitas subiram de US$ 3,9 bilhões no segundo trimestre para cerca de US$ 4 bilhões no último período, ou um aumento de mais de 2%. Na comparação com o mesmo período do ano passado, o aumento é de 34%. Já o lucro líquido ficou na casa de US$ 403 milhões.

Quem fez a festa com os bons resultados da Netflix foram os acionistas da empresa. Após o fechamento do mercado, a procura pelos papéis da companhia fez o seu valor disparar em mais de 10%.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ