O melhor notebook que você pode comprar com R$2600

O melhor notebook que você pode comprar com 2600 reais! Quer saber qual é?! Vamos lá, o Laboratório Digital deste mês testou três notebooks de entrada disponíveis no mercado nacional. Comparamos o ACER A515-51-51UX, de 15,6 polegadas; o HP Pavilion 14, de 14 polegadas; e o Lenovo Ideapad 320, também de 14 polegadas. Todos rodando o sistema operacional Windows 10 Home de 64 bits.

Design

O Acer é o grandão da turma. Com acabamento em plástico na parte externa, ele tem uma textura em linhas que não agradou muito nossa equipe. O notebook tem 21,6 milímetros de espessura e, com 2 quilos e 200 gramas, é o mais pesado! Também em plástico, o Lenovo traz acabamento metálico fosco. Com 22,7 milímetros de espessura é o mais grosso dos três, mas por ser menor, pesa apenas 1 quilo e 750 gramas. O Lenovo é o único dos três que abre sua tela em 180 graus, o que pode ser interessante em algumas situações. No HP, o acabamento em plástico é de alta qualidade; é o mais elegante dos três. O design é o que mais chama atenção. O HP também é o mais fino e o mais leve da turma. Com 19,8 milímetros de espessura e apenas um quilo e 650 gramas leva nosso voto neste quesito.

Processador e memória

Os três notebooks apresentam ótimo desempenho para o uso comum. São todos bastante equivalentes. Acer, HP e Lenovo trazem embarcado um processador Intel Core i5 de sétima geração. Mas enquanto Acer e HP têm ambos 8 giga de memória RAM, o Lenovo tem apenas 4 giga de RAM. Nos nossos testes, experimentamos softwares mais leves e comuns do dia a dia, mas também alguns games e até programas de edição de imagens. No quesito performance, o Lenovo ficou pouca coisa atrás dos seus concorrentes. Já Acer e HP apresentaram desempenho bastante equivalentes nas nossas comparações; empate duplo!

Tela

O Acer tem tela de LED de 15,6 polegadas e resolução HD de 1366 por 768 pixels. O modelo foi o que apresentou maior brilho entre os três. E nada exagerado; cenas claras não estouram a imagem, enquanto imagens mais escuras deixam detalhes mais evidentes. O HP também tem ótima imagem, porém menor brilho. A tela LED de 14 polegadas também tem resolução HD; o destaque no modelo da HP foi o alto contraste - interessante em algumas situações, mas um pouco demais em outras. Acer e HP ficam no mesmo patamar no quesito imagem.

Já resolução Full HD de 1920 por 1080 pixels, o Lenovo tem imagem com melhor contraste e ótima saturação. O display antirreflexo de LED tem 14 polegadas e apresentou a melhor definição de imagem e cores incríveis. Vale lembrar que estes detalhes só são percebidos quando colocamos os aparelhos lado a lado, rodando o mesmo conteúdo. Mas pequenas diferenças dão essa vitória para o modelo Lenovo.

Armazenamento

Os três rivais trazem HD com 1 Terabyte de espaço - é bastante coisa; principalmente se pensarmos que a maioria das pessoas já adotou algum serviço de armazenamento em nuvem para guardar seus arquivos.

Conectividade

Todos os modelos possuem conexão Wi-Fi, mas Acer e Lenovo são os únicos com Wi-Fi padrão 802.11AC de alta velocidade. Todos têm saídas HDMI, USB 3.0, o novo USB Tipo “C”, Bluetooth e entrada para cartão SD.

Bateria

O Acer tem uma bateria de 4 células com capacidade de 3200 miliampere-hora. A marca promete até 7 horas de autonomia longe da tomada. O HP tem bateria de 3 células com capacidade de 41 watt-hora. A fabricante promete até 9 horas de autonomia. A bateria do Lenovo é um pouco menos robusta: 2 células e 30 watt-hora. Neste quesito, uma vez que os três notebooks utilizam o mesmo sistema operacional e tecnologias de eficiência energética, com a bateria mais robusta, o HP fica na frente.

Preço

Com equipamentos tão equivalentes em números e desempenho, o preço pode ser decisivo na hora de escolher. O modelo HP é o mais caro; o preço sugerido pela fabricante é o mesmo que encontramos no varejo online: 2600 reais. Oficialmente, o Acer é oferecido por 2400 reais, mas com um pouco de pesquisa online encontramos o modelo um pouco mais em conta; por cerca de 2150 reais. O mais barato dos três é o Lenovo; 2100 reais!

Conclusão

A definição deste Laboratório ficou por conta de detalhes; a vitória (ou derrota) dos notebooks na nossa decisão final se deu pela somatória de valores atribuídos a cada quesito. É importante dizer que os três notebooks são excelente máquinas de entrada - e, com processadores potentes de última geração, até se arriscam e mostram bom desempenho em tarefas mais pesadas. De qualquer forma, de baixo para cima, em terceiro lugar ficou o Lenovo Ideapad 320; o notebook se destaca pela qualidade da tela, é o mais barato dos três, mas ficou um pouco atrás dos seus rivais em pontos importantes como performance e bateria.

Em segundo lugar, o HP Pavilion 14 - na nossa opinião, o mais elegante dos três. O primeiro ponto que fez o modelo ficar um pouquinho atrás é o preço…são quase 500 reais de diferença que não se justificam. O Pavilion apresentou ótima performance e a melhor autonomia energética - até nove horas longe da tomada segundo a fabricante. A tela também é a menos brilhante.

O grande vitorioso deste Laboratório Digital, o notebook de entrada com melhor custo benefício na opinião do Olhar Digital é o Acer A515-51-51UX. Com preço bastante interessante no varejo, o modelo se destaca pela ótima bateria, o Wi-Fi padrão AC, de alta velocidade, e a nova saída USB Tipo “C”. Mais do que isso, praticamente pelo mesmo preço do Lenovo, o mais barato, o notebook da Acer tem melhor desempenho em uma tela maior. Vitória apertada, mas justa!

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.


RECOMENDADO PARA VOCÊ