Carro a vento

Carro movido a vento atravessa Austrália por US$ 15

Redação Olhar Digital 16/02/2011 16h10
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Protótipo bateu recordes de distância e de tempo percorridos por esse tipo de automóvel

Um protótipo de carro movido com auxilio da força do vento completou, nesta quarta-feira (16/2), um percurso de quase 4 mil quilômetros entre as cidades de Sidney e Perth, na Austrália, por um custo de US$ 15. Chamado de Wind Explorer, o veículo utiliza uma 'pipa', além de baterias de lítio, que podem ser recarregadas durante a noite, a partir de uma turbina de vento que é hasteada no carro por um bambu.

O carro foi desenvolvido pelos alemães Dirk Gion e Stefan Simmerer, que levaram 18 dias para cruzar o país de leste a oeste a uma velocidade máxima de 80 km/h. A corrida rendeu três recordes aos dois esportistas: de primeiro veículo movido a vento a cruzar um continente, a maior distância total percorrida por um veículo movido a vento e a maior distância em 36 horas percorrida por esse tipo de carro.

O protótipo pesa um total de 200 kg incluindo as baterias e é construído em fibra de carbono sobre uma camada de alumínio. O gasto de US$ 15 da viagem foi devido a um momento no começo do percurso, no qual o vento não colaborou e a dupla se viu obrigada a gastar um pouco para abastecer o veículo com energia elétrica. Ainda assim, como a maior distância foi percorrida pela energia do vento, os recordes não foram invalidados.

Veja vídeo do carro a vento:

 
TI Verde Sustentabilidade Eletricidade Carro elétrico carro Energia
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você