Carros e Tecnologia

Bancos

Na próxima década, robôs substituirão 200 mil vagas em bancos nos EUA

Rafael Rigues, editado por Matheus Luque 02/10/2019 09h21
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Vagas em setores como o administrativo, agências, call center e corporativo serão as mais afetadas

Segundo um estudo realizado pela Wells Fargo & Co., nos próximos dez anos 200 mil postos de trabalho na indústria bancária dos EUA serão substituídos por robôs, graças aos ganhos em eficiência proporcionados por novas tecnologias.


De um quinto a um terço das vagas nos setores administrativo, agências, call center e corporativo serão eliminadas. Entretanto, posições relacionadas a tecnologia, vendas e consultoria serão menos afetadas, de acordo com o estudo.

Nos EUA a indústria bancária investe US$ 150 bilhões anualmente em tecnologia, mais do que qualquer outro setor. Segundo Mike Mayo, analista sênior da Wells Fargo Securities LLC, as despesas com pessoal representam até metade dos custos de operação de um banco.

Segundo Michael Tang, parceiro da Deloitte no setor de inovação global em serviços financeiros, “a mudança será dramática nos call centers, tanto em posições internas quanto externas. Já vemos sinais disso com os chatbots (robôs de atendimento), e algumas pessoas sequer percebem que estão conversando com um sistema de inteligência artificial”.

 

Fonte: Bloomberg

Mercado automação Empregos Bancos finanças vagas de emprego automatização Mercado de Trabalho
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você