Big Data
Compartilhe com seus seguidores
A A A

BI em larga escala: popularização virá por aplicativos já usados

Marcelo Sales 07/06/2019 15h00

Desenvolver aplicativos e softwares que já trazem ferramentas analíticas incorporadas é a melhor forma de obter resultados efetivos de BI

Fomentar o pensamento analítico e a inovação passou a ser uma das principais tarefas dos líderes de TI de hoje. Se antes o papel era otimizar custos, hoje é preciso buscar soluções para o seu negócio que ultrapassem os conceitos iniciais de transformação digital. Isso não envolve apenas definir e acompanhar uma série de métricas para analisar o sucesso de seu empreendimento. É mais do que isso,detectar oportunidades no mercado, definir objetivos e elaborar estratégias baseadas num diferencial competitivo. E quando se fala em tendências no setor de tecnologia, é fácil chegar à conclusão de que hoje as empresas desejam cada vez mais usar dados. E usar dados com inteligência.

Para lidar com grandes as quantidades de dados, existe um mercado consolidado de ferramentas de análise. Mas há uma tendência em BI chamada Embedded Analytics ou ainda Embedded Business Intelligence. Os termos são autoexplicativos. Significam desenvolver aplicativos e softwares que já trazem ferramentas analíticas incorporadas. E esse conceito traz uma série de vantagens, tanto para usuários e clientes, quanto para os desenvolvedores de software, como mostra uma pesquisa que vi recentemente da Aberdeen Group. Vamos a elas.

Diferenciação competitiva

De aplicativos que analisam métricas de conversão em um pequeno e-commerce a grandes implantações de um Enterprise Resource Planning (ERP), a maioria das ferramentas de negócios hoje já conta com um sistema de painel ou relatório, por mais rudimentar que seja. Imagino que todos já ouviram falar de dashboards.

No entanto, os desenvolvedores de softwares que incorporam análises mais robustas e aprimoradas, conseguem se diferenciar da concorrência. Pode ser uma visualização interativa ou uma interface com geolocalização. Outros exemplos são disponibilizar sistemas de benchmarking do mercado ou colocar os dados acessíveis via smartphones. 

A ideia principal é gerar valor ao cliente, oferecer aquilo que ele deseja no momento certo. Com a incorporação destas features, as produtoras de software tendem a conseguir um crescimento de receita e um valor de marca mais sustentável ao longo do tempo.

Crescimento da base de clientes

Há outra vantagem para a indústria de tecnologia com a adoção do Embedded Analytics. O conceito pode ser oferecido como uma forma de agregar valor para a base de clientes.

Se por um lado, a adoção deste tipo de ferramenta traz poucos custos aos desenvolvedores de aplicativos, ela pode ser uma forma de gerar novas formas de receita e agregar valor à marca. O objetivo é usar o poder do BI para atrair novos clientes, que devem se tornar mais fiéis e engajados ao usar estas soluções.

Desenvolvimento do cliente

Outra razão para a disseminação do Embedded Analytics é a facilidade de uso. Não há necessidades de migração para outras ferramentas. Elas já estão lá, instaladas no desktop ou disponíveis a um clique do usuário. E é fato que quando os recursos BI já estão presentes nos aplicativos que os usuários usam no dia a dia, essas ferramentas analíticas se tornam mais populares e passam a ser adotadas em grande escala.

A indústria como um todo já percebeu essa tendência. A Aberdeen Group acredita que o conceito vai impulsionar o crescimento de receita de fabricantes de softwares nos próximos anos. Eles podem usar o Embedded Analytics como alavanca para aumentar o relacionamento com seus clientes, gerando oportunidades de vendas cross-sell e up-sell.

E quais os resultados?

Seria irônico se a pesquisa da Aberdeen Group não mostrasse os resultados financeiros dos desenvolvedores que oferecem Embedded Analytics como estratégia central. Essas empresas tiveram:

  • 19% de aumento ano a ano na receita orgânica;
  • 15% de crescimento ano a ano no total de clientes;
  • 12% de aumento ano a ano na receita de cross-sell e up-sell.

Embora o BI tradicional tenha seu lugar, o fato de estes aplicativos ou os softwares de BPM terem interfaces separadas, força os usuários a alternar entre vários aplicativos para obter insights e criar um plano de ação. Em vez disso, uma plataforma de BI incorporada coloca a inteligência dentro dos aplicativos que as pessoas usam todos os dias. Ao melhorar a experiência de análise, usuários ficam mais produtivos, combinando o dado, a informação e a ação no mesmo lugar.

Ao incorporar o Embedded Analytics, as empresas líderes de mercado devem ter expressivos aumentos de receitas e, principalmente, na sua base de clientes. Caso tenha ficado interessado em ler mais sobre o assunto, compartilho aqui o acesso a pesquisa da Aberdeen Group. Boa leitura!

Empresas Empresas Digitais
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você