Celular lê impressões digitais

O sistema de reconhecimento é utilizado principalmente para proteger dados importantes

Redação Olhar Digital 14/08/2008 11h55
lenovo
A A A

A Lenovo lançou o primeiro telefone celular com leitor biométrico incorporado. A leitura de impressões digitais serve para bloquear o celular a fim de evitar roubo de informações como, por exemplo, a lista de contatos.

A tecnologia, desenvolvida pela empresa Atrua Technologies, reconhece as digitais com precisão e consome menos energia do que soluções biométricas similares às utilizadas para PCs, afirma a fabricante.

O sistema de reconhecimento é utilizado principalmente para proteger dados importantes como as gravações de ligações, mensagens de texto, histórico de ligações e agenda de contatos, conta o site TMCnet.

Além desta novidade, o modelo P960 também oferece um serviço que grava ligações recebidas a partir de um dado número - função interessante para espiões, detetives, agentes do FBI ou até mesmo para o consumidor comum, satiriza o site Engadget.

Informações sobre preço ou venda do aparelho ainda não foram divulgadas.

Celulares Segurança
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você