PF faz operação contra pedofilia na internet

Investigação é feita em 17 estados e Distrito Federal

Redação Olhar Digital 03/09/2008 13h47
pf
A A A

A Polícia Federal (PF), juntamente com a Interpol no Brasil, realiza nesta quarta-feira, 3, a Operação Carrossel II que converge com os trabalhos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado Federal, instaurada em março de 2008, para investigar esse tipo de crime.

O objetivo da ação, feita em 17 estados e Distrito Federal, é combater a pornografia infantil na internet. Segundo a PF, foram mobilizados 650 policiais para cumprir 113 mandados de busca e apreensão. Cada equipe contará com um perito criminal especialista em informática para que a análise inicial do computador ocorra ainda no local da busca.

Os policiais promoverão a apreensão de computadores, discos rígidos, pen drives, cartões de memória, CDs, DVDs e todo material que possa estar, direta ou indiretamente, associado à prática de pedofilia.

De acordo com a assessoria de imprensa da PF, as investigações da Operação Carrossel já identificaram cerca de 200 pedófilos em mais de 70 países. Só na Holanda foram identificados 100 pedófilos. Em Israel e na Grécia os investigadores mapearam, respectivamente, 30 e 22 pessoas envolvidas com pornografia infantil.

Internet Segurança Comportamento
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você