Sistema da Microsoft e Bridgestone detecta danos nos pneus em tempo real

Tecnologia utiliza algoritmos não só para identificar um estrago, mas também em que local ocorreu

Guilherme Preta, editado por Fabiana Rolfini 30/06/2020 13h35
Pneu Bridgestone
A A A

Embora os carros estejam ficando cada vez mais inteligentes, os pneus ficaram de fora dessa evolução. Seus danos físicos, por exemplo, só são detectados com uma inspeção manual. Agora, porém, a Microsoft e a Bridgestone, estão empenhadas em inovar neste segmento.


As empresas anunciaram uma parceria para o desenvolvimento do Sistema de Monitoramento de Danos nos Pneus (TDMS), parte da Plataforma de Veículos Conectados (MCVP) da Microsoft. O sistema utiliza algoritmos para detectar e identificar os eventos que afetam a superfície de um pneu.

O TDMS utiliza dados de sensores já presente no hardware e a estrutura de nuvem do MCVP para funcionar sem nenhum kit extra ou adaptação necessária.

Além de encontrar o dano, a tecnologia identifica onde o mesmo ocorreu, podendo dar às autoridades rodoviárias informações sobre buracos e outros perigos. Além disso, no futuro, poderá permitir que veículos autônomos compartilhem informações sobre locais que merecem atenção nas estradas.

Segundo a Bridgestone, o sistema pode ter um impacto bastante significativo na segurança dos motoristas, já que 30% dos acidentes causados por falhas técnicas são causados por pneus. E mais, um estudo publicado pela Consumer Reports afirma que metade das mortes nas estradas podem ser evitadas se mais tecnologia de segurança for adotada pelos veículos.

Via: Engadget

Segurança Microsoft carro veículo autônomo veículos pneu
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você