Segurança

Carro autônomo

Sistema de detecção de pedestres apresenta falhas em teste nos EUA

Luiz Nogueira, editado por Matheus Luque 29/10/2019 13h22
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Alguns modelos, como o 'Audi A4' e a 'BMW 3 series', detectaram e pararam o veículo para pedestres; os modelos Chevrolet Malibu, Ford Fusion e Hyundai Sonata nem reduziram a velocidade

Um grupo de pesquisa de seguros dos EUA divulgou nesta terça-feira (29), um estudo que mostra como os sistemas de detecção de pedestres em carros autônomos se comportam, e em como eles variam entre as montadoras.


Essa avaliação ocorreu em um momento em que as mortes de pedestres nos EUA estão aumentando, com um número estimado em 6.283 pedestres mortos por veículos apenas em 2018. De acordo com as montadoras, elas estão aprimorando a tecnologia de prevenção de acidentes em seus novos carros, tudo para diminuir o número de mortes.

O estudo, que foi realizado pelo Instituto de Seguros dos EUA para Segurança nas Rodovias (IIHS), descobriu que nem todos os sistemas possuem um desempenho igualmente bom. Das 19 edições e modelos mais recentes testados pelo IIHS, 13 deles evitaram pedestres por completo, ou pelo menos conseguiram reduzir significativamente a velocidade.

Entre os carros com melhor desempenho estão os modelos de luxo Audi A4, BMW 3 series e Mercedes-Benz C-class. Dentre os piores carros, os que não reduziram a velocidade ou falharam completamente, estão o Chevrolet Malibu, Ford Fusion e Hyundai Sonata.

O cenário montado para a realização dos testes incluía um adulto atravessando a rua, uma criança correndo atrás de um obstáculo e um adulto andando na beira de uma estrada. Essas situações foram escolhidas justamente por representar mais da metade de todas as mortes de pedestres.

As situações foram testadas em estradas secas e durante o dia. Esses são os cenários para os quais as montadoras projetam sua tecnologia. Essa afirmação foi feita pelo presidente do IIHS, David Harkey à Reuters.

A American Automobile Association realizou alguns testes durante a noite no início deste ano - justamente por ser o período em que ocorrem até 75% de todos os acidentes. Os resultados foram preocupantes, já que nenhum dos carros testados (Chevrolet Malibu, Honda Accord, Tesla Model 3 e Toyota Camry) detectaram um pedestre no escuro.

Como apelo para reverter essa situação, Harkey pediu às montadoras que desenvolvam faróis mais potentes para ajudar os sistemas de detecção a avistar pedestres à noite e evitar acidentes.

Segurança carro carros autônomos
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você