iPhone 11

iPhones 11 e 11 Pro têm novo sistema de câmeras

Roseli Andrion, editado por Daniel Junqueira 10/09/2019 20h19
Compartilhe com seus seguidores
A A A

As diferentes lentes incluídas nos aparelhos permitem fotos com ângulos mais amplos

Os novos iPhone 11 e iPhone 11 Pro, foram anunciados nesta terça-feira (10) pela Apple. Na frente, os aparelhos vêm com um enorme notch, que ocupa mais de 50% da largura da tela do dispositivo. É atrás, entretanto, que estão as grandes novidades.


Exatamente como mostrado nas fotos divulgadas em rumores sobre os modelos, as câmeras traseiras estão alojadas em um quadrado com as bordas arredondadas. Enquanto o iPhone 11 tem duas câmeras ali, o modelo Pro vem com três. Cada uma delas tem uma função diferente e pode ser usada em diferentes cenários. Confira, a seguir!

iPhone 11

  • Câmera comum de 12 megapixels (26mm f/1.8), com estabilização óptica da imagem: a câmera principal agora tem modo noturno para ser usado em situações de baixa luminosidade (a ideia é competir com o recurso que faz a mesma função no Google Pixel). Além disso, o processamento de imagens foi aperfeiçoado para preservar os detalhes de cada clique.
  • Câmera ultrawide de 12 megapixels (13mm f/2.4), com 120 graus de campo de visão: em vez de seguir sua tradição de ter uma lente retrato, a marca inovou com uma ultrawide, que permite que os usuários capturem mais do ambiente. Na tela do celular, é possível ver tanto o que a câmera principal mostra quanto o que pode ser fotografado pela ultrawide.

Reprodução

  • Câmera frontal de 12 megapixels com função de câmera lenta para vídeo e gravação em 4K com 60 quadros por segundo: quando usada no modo paisagem, a câmera permite fazer fotos com um ângulo maior. E ainda vem com a opção de fazer gravações em câmera lenta.

iPhone 11 Pro e Pro Max

  • Câmera comum de 12 megapixels (26mm f/1.8), com estabilização óptica da imagem.
  • Câmera ultrawide de 12 megapixels (13mm f/2.4), com 120 graus de campo de visão.
  • Câmera de 12 megapixels com lente telefoto (52mm f/2.0) e estabilização óptica da imagem: desenhada pela Apple para fotos do tipo retrato, é exclusiva dos modelos de iPhone 11 Pro.

Reprodução

  • Câmera frontal de 12 megapixels com função de câmera lenta para vídeo e gravação em 4K com 60 quadros por segundo.

Truques de software

A Apple diz que suas novas câmeras trouxeram muitas melhorias ao processamento de foto e vídeo. Com isso, é possível notar mais detalhes nas fotos — além de elas passarem a ter a ajuda do modo noturno.

Reprodução

Como todos os novos modelos da marca têm múltiplas câmeras, a companhia se concentrou em prevenir alterações na exposição e na tonalidade quando o usuário alterna as lentes (especialmente durante a gravação de vídeos). Isso porque o iPhone 11 Pro permite que os desenvolvedores de aplicativos gravem com mais de uma câmera. E mais: um recurso de zoom de áudio vai se aproximar de sons emitidos pelos itens que estiverem sendo gravados.

Em breve, outro recurso relacionado a fotografia deve chegar aos modelos Pro, o Deep Fusion. A ferramenta analisa nove fotos tiradas em sequência (uma delas pode ser de longa exposição) para criar (com o uso de redes neurais) uma imagem final otimizada com elementos retirados de cada foto.

A Apple começou a usar o sistema de duas câmeras no iPhone 7 Plus, lançado em 2016. Na ocasião, ela adicionou uma lente de telefoto para dar complementar a câmera principal com uma perspectiva mais próxima. Até o ano seguinte, 2017, ela foi mantida apenas nos modelos Plus: aí, o X, o XS e o XS Max passaram a ter duas câmeras. Só o iPhone XR ficou com apenas uma.

Mais do evento da Apple

Câmeras Apple iphone 11 modo noturno
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você