criança, pedofilia, abuso infantil

Microsoft anuncia ferramenta para combater abuso de crianças online

Renato Santino 09/01/2020 19h35
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Project Artemis analisa conversas em texto e dá um índice de probabilidade, permitindo que empresas acionem autoridades

A Microsoft anunciou nesta quinta-feira (9) a liberação de uma nova tecnologia que visa combater a exploração sexual de menores em ambientes online. A técnica, que foi batizada pela companhia de “Project Artemis” tenta detectar potenciais predadores antes que eles possam causar danos e será disponibilizada gratuitamente para licenciamento por meio da Thorn, organização tecnológica sem fins lucrativos que combate abuso sexual de crianças.


 A técnica se baseia na análise de conversas por meio de texto em chats de serviços online. Baseada em algumas patentes pertencentes à Microsoft, a tecnologia analisa o teor das conversas e atribui a elas um nível de probabilidade de que aquela discussão estar ligada a aliciamento de menores.

A partir deste índice, a empresa pode definir um rumo de ação, que pode envolver a análise de um moderador humano, que poderá encaminhar a informação para autoridades e organizações de proteção a crianças, que também participaram com comentários no processo de desenvolvimento do sistema.

Segundo a Microsoft, o Artemis foi desenvolvido em parceria com empresas como o The Meet Group, Roblox e Kik, além da própria Thorn, que ficará com a responsabilidade de distribuição e licenciamento da tecnologia. O desenvolvimento começou em novembro de 2018, com um hackathon, e deu seus primeiros frutos após 14 meses. A companhia nota que as equipes foram lideradas por Hany Farid, um pesquisador que já havia trabalhado com a Microsoft para desenvolvimento da PhotoDNA, ferramenta grátis que ajuda na detecção e denúncia de fotos de abuso infantil que já é usada por mais de 150 empresas no mundo.

De acordo com a Microsoft, a empresa já fazia uso do Artemis internamente há algum tempo, utilizando a ferramenta no Xbox e já estuda implementá-la em mais plataformas de chat, incluindo o Skype.

Microsoft pedofilia
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você