Programa reconhece fotos de suspeitos através do rascunho da polícia

O software contém algoritmos que facilitam o reconhecimento facial dos esboços, traçando comparações com fotos de alguns criminosos

Redação Olhar Digital 10/03/2011 12h43
Reconhecimento Facial
A A A
Há muitas décadas, policiais fazem o esboço do rosto de criminosos para compará-los com a fisionomia do verdadeiro suspeito - é o chamado retrato falado. Mesmo assim, muitos culpados continuam foragidos porque nem sempre a descrição das vítimas condiz com a aparência do criminoso.

Pensando nisso, uma equipe liderada pelo indiano Anil Jain, professor de engenharia da computação da Universidade Estadual de Michigan, Estados Unidos, está trabalhando num programa que pode detectar traços dos esboços desenhados à mão e compará-los com os criminosos presentes num banco de dados da Polícia. De acordo com a equipe, os algoritmos são capazes de reconhecer a face do suspeito nos mínimos detalhes, trabalhando pixel por pixel.

Alguns softwares já são utilizados para ajudar nessas investigações, criando desenhos automaticamente sem a ajuda de artistas especializados, mas, para o professor, os resultados prometem ser mais precisos se feitos a partir do desenho analógico.

A equipe afirma que, até o ano que vem, alguns testes serão realizados em parceria com os policiais.
Software Tecnologia
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você