Samsung Galaxy Fold

Samsung se pronuncia sobre o problema das telas no Galaxy Fold

Redação Olhar Digital 18/04/2019 10h37
Compartilhe com seus seguidores
A A A

A empresa disse que há uma película de polímero protetora que não deve ser removida

Alguns veículos de imprensa já receberam o Galaxy Fold para que análises sobre o aparelho sejam feitas antes que ele chegue ao público. O problema é que algumas unidades estão sendo danificadas muito facilmente. Mais precisamente, a tela está sendo quebrada sem muito esforço. Com a repercussão, a empresa lançou um comunicado oficial sobre esses incidentes.


A Samsung disse que vai “inspecionar minuciosamente as unidades disponibilizadas para análise”, se referindo aos dispositivos que tiveram suas telas danificadas sem uma causa aparente. A empresa associou os problemas ao fato de que as pessoas que estavam com o dispositivo antecipadamente removeram uma proteção de polímero que estava afixada ao display. Entretanto, essa item parece apenas com uma camada simples feita feita para proteger o painel e que, normalmente, se retira quando um aparelho é comprado. Esse é o comunicado na íntegra:

“Um número limitado de smartphones Galaxy Fold foi enviado à imprensa para que fossem realizadas análises. Recebemos algumas mensagens sobre a tela nas unidades fornecidas. Vamos inspecionar todas essas unidades para determinar a causa do problema. Em alguns casos, os jornalistas disseram que removeram uma camada presente no display, o que pode ter danificado o mesmo. A tela principal do Galaxy Fold possui uma camada de proteção, que faz parte de sua estrutura, e foi desenhada para proteger a tela de vários tipos de acidentes que podem ocorrer. Removê-la pode causar danos ao aparelho. Vamos garantir para que tudo seja esclarecido antes do produto chegar às lojas.”

Os problemas do Galaxy Fold parecem não se restringir apenas a remoção da camada de polímero presente na tela. Segundo a equipe do site CNBC, a sua unidade do smartphone ficou com a tela esquerda oscilante, com apenas dois dias de uso, e eles informam que não removeram tal proteção. Veja o relato:

 

 

Antes do lançamento, a Samsung disse que realizou testes rigorosos no aparelho para verificar sua durabilidade e garante que o Galaxy Fold suporta “mais de 200 mil dobras”. A empresa está começando uma campanha massiva para alertar os usuários de que essa proteção não pode ser removida, para evitar que problemas parecidos como os relatados na última quarta-feira (17/4) voltem a ocorrer.

Devido seu preço nada convidativo, US$1.980 (aproximadamente R$7.800, fora impostos), tais falhas podem fazer com que o aparelho não tenha tantos adeptos assim.

VIA: CNBC

Samsung galaxy fold
Compartilhe com seus seguidores

Recomendados pra você